quarta-feira, 20 de abril de 2011

Devolvo-me

Transparente,
A ti me achego
Aquilo que sou, 
tão somente,
em tuas mãos entrego


Minha esperança
Minha vida
Tudo em tuas mãos


Além,
nada tenho a oferecer


De ti, vem tudo
O que tenho
O que sou


Devolvo-me!
Sou teu...


Hugo Rocha

Um comentário:

André disse...

uma canção tão linda foi o que ouvi quando li suas palavras. :)